CEMIN

Plataforma de infância

CEMIN

O CEMIN é uma organização interdisciplinar, de iniciativa social, que oferece critérios interpretativos e de orientação a partir de uma visão independente do que constitui o melhor interesse da infância e adolescência nos diferentes cenários de intervenção profissional que condicionam seu bem-estar: social, judicial, formativo, educacional e de saúde.

É constituído por profissionais de diferentes áreas de intervenção profissional relacionadas com a família (juízes, advogados, psicólogos, assistentes sociais, etc.) que colocam o seu conhecimento e dedicação ao serviço do CEMIN para garantir e trabalhar para o interesse das crianças e da adolescência.

No CEMIN, eles trabalham, tanto em nível estadual quanto internacional, em interessantes projetos educacionais e preventivos.

O CEMIN pertence à Plataforma de Organizações da Infância (POI), comumente conhecida como Plataforma da Infância. A POI é uma aliança de organizações sem fins lucrativos (ONG) plural, solidária, democrática e independente do ponto de vista político e religioso, que trabalha para defender os direitos humanos de menores de 18 anos na Espanha.

A Plataforma da Infância tem como marco de referência a Convenção sobre os Direitos da Criança. Esta Convenção foi aprovada pela Assembléia Geral das Nações Unidas  em 20 de novembro de 1989 com o objetivo de proteger os direitos de qualquer ser humano menor de dezoito anos de idade, considerando que estes não devem ser tratados como objetos de beneficência, mas como sujeitos de direitos com necessidades e interesses específicos.

Atualmente, a Plataforma da Infância é formada por 53 entidades sociais que, trabalhando juntas, atuam na Espanha para proteger, promover e defender os direitos da criança e do adolescente, de acordo com a Convenção sobre os Direitos da Criança das Nações Unidas.